Grupo Orpea já realizou cerca de 1.500 testes em trabalhadores e residentes

O Grupo ORPEA tem vindo a realizar testes à COVID-19 junto de todos os seus residentes e trabalhadores. Desde o final de abril já foram realizados quase 1.500 testes PCR (testes de diagnóstico do vírus SARS-CoV-2, que provoca a doença conhecida como COVID-19) e testes serológicos quantitativos (teste que permite a determinação quantitativa de anticorpos para o novo coronavírus) em trabalhadores e funcionários.

Para garantir a proteção da saúde da população mais vulnerável e dos profissionais de saúde das suas unidades, face a esta realidade, é fundamental a realização de testes PCR e serológicos à COVID-19, medida complementar às tomadas por todas as residências e espaços do Grupo ORPEA.

O Grupo ORPEA tem investido na realização de testes, iniciativa que faz parte do protocolo de segurança do Grupo e do seu compromisso com a segurança e o bem-estar dos seus residentes e colaboradores, bem como a disponibilização de equipamentos de proteção individual. A realização de testes faz também parte das medidas que o Grupo ORPEA tem estabelecidas para que as novas admissões nas suas unidades sejam realizadas com segurança.

Cada novo residente no momento de admissão numa unidade ORPEA, deve apresentar um teste PCR, realizado no máximo 72 horas anteriores à hora estipulada de admissão, sendo que adicionalmente, será realizado por cada unidade, um teste serológico quantitativo no momento da entrada e novo teste PCR após 7 dias de estadia para um despiste completo.

Dentro do plano do Grupo ORPEA e do seu compromisso em criar espaços seguros, e para evitar possíveis surtos, está prevista a continuação da realização dos testes até ao final do ano, a residentes e trabalhadores, dependendo da situação epidemiológica dos centros.